Cotar empréstimo: Como fazer cotação de empréstimo online

Emprestar dinheiro pode ser uma necessidade em algum momento da sua vida. É comum passar por problemas financeiros e necessitar de um auxílio financeiro, seja por falta de controle ou por imprevistos que podem surgir.

O fato é que existem muitos brasileiros endividados com empréstimos no Brasil. E, muitas empresas se aproveitam disso com juros e taxas altíssimas ou até mesmo, abusivas.

Por esse motivo, é importante que, antes de realizar um empréstimo, você faça uma pesquisa para cotar empréstimo.

Como cotar empréstimo

Existem diversas formas de cotar empréstimo. Você pode entrar no site do próprio banco que deseja emprestar e realizar uma cotação online. Você coloca o valor que deseja, em quantas vezes deseja cotar empréstimo e o próprio site calcula quanto tempo você passará pagando o empréstimo, já incluindo a taxa de juros.

Além de calcular pelo site do banco, se você deseja fazer um empréstimo consignado, ou seja, se você for pensionista do INSS ou funcionário público, você pode cotar empréstimo pelo site do banco central.

Da mesma forma, você informa o valor total que deseja emprestar, qual valor das parcelas você pode pagar e o próprio site te informa o tempo em que você irá levar para quitar o empréstimo e pagar todas as parcelas, já incluindo a taxa de juros.

No site do Serasa Experian você também pode cotar empréstimos. Pois é, o serasa também disponibiliza uma plataforma que faz cotação. Você entra no site, informa o valor que deseja emprestar e qual o valor das parcelas que você pode pagar. O site calcula o tempo também que você levará para pagar o valor total emprestado.

Você pode também, cotar empréstimo em outros sites pela internet. Existem diversas opções para cotar empréstimos em sites que, com um simples clique, cotam para você em diversas financeiras e bancos e você pode escolher a opção que melhor atende as suas necessidades.

 

Contratar seguro automóvel: Como não errar na hora da contratação

Quando for contratar seguro automóvel fique atento a alguns itens que são importantes para fazer um bom negócio.

Antes de tudo é importante avaliar o seu perfil: o quanto usa o carro, se viaja muito e percorre grandes distâncias com ele, seu carro permanece mais tempo na rua ou em garagem fechada, você utiliza o carro todos os dias, ou apenas alguns dias da semana.

Depois de conhecer seu perfil você irá conseguir avaliar melhor as propostas feitas pela corretora. Se viaja bastante é interessante adquirir um seguro com cobertura territorial extensa e não local. Se o uso do carro é algo necessário para você todos os dias é interessante conferir se o seguro te oferece um carro reserva em situação de inutilização do seu, para caso venha precisar um dia.

É importante passar informações verdadeiras e exatas para a seguradora no momento contratar seguro automóvel, pois caso haja divergências constatadas sua apólice de seguro pode ser invalidada no momento que for acionada.

O valor do seguro irá variar de acordo com os serviços inclusos na apólice, alguns serviços são básicos e não podem ser deixados de fora na tentativa de obter um seguro mais barato, como: Seguro contra colisões, roubo e furto, incêndio. Por mais básico que seja seu seguro ele precisa conter esses serviços.

Fique atento também ao valor da franquia cobrada em caso de acionamento do seguro, algumas operadoras possuem valores de acionamento muito mais alto que outras, se tornando uma opção desvantajosa.

Antes de contratar seguro automóvel verifique tudo que está incluso na apólice, avalie os serviços adicionais inclusos e se você realmente precisa de todos eles. Uma forma de economizar é retirar serviços adicionais com pequenas chances de ser utilizados, que caso a apólice não seja avaliada com atenção nem sabemos que possuímos e acabamos pagando caro por eles.

Fox: Como ver os valores na Tabela FIPE

A Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, conhecida como FIPE, criada em 1973 sem fins lucrativos, tem como objetivo prestar apoio ao Departamento Econômico de algumas instituições, a partir de 2001 começou a pesquisar valores de veículos automotores como carros, caminhões e motos de acordo com modelos e versões, para financiamento como base de cálculo, sinistro, seguro e avaliações.

A Tabela FIPE funciona de acordo com os preços que estão sendo praticados no mercado de todos os carros em diferentes modelos e versões, comparando a média de valores calculados para o consumidor, servindo como referência de valor de venda e compra do carro no mercado nacional tanto novo como usado, sendo inclusive utilizada para referência de valores de IPVA.

Para consultar a tabela FIPE Fox é necessário acessar a Tabela FIPE para ter acesso às informações, assim é possível selecionar o tipo de veículo, e ano modelo, após essas informações é possível saber a referência do valor veículo gerando um poder de negociação.

É importante que o consumidor saiba que a tabela FIPE Fox não considera acessórios e blindagem do veículo, avaliando os opcionais entre básico, intermediário e completo, entretanto, seus valores são determinantes para valores do seguro que na maioria das vezes utiliza os valores do veículo para perda total ou sinistro.

O valor de mercado do veículo pode ser maior ou menor do que o valor da tabela FIPE Fox considerando estado, acessórios e/ou opcionais.

Durante uma negociação, é possível visualizar valor máximo ou valor mínimo de um veículo que geralmente são anunciados em sites de venda e compra de automóvel, porém, são valores de tabelas próprias, uma vez que a Tabela FIPE trabalha com o preço médio de valor de mercado.

No caso de veículos seminovos e usados também são usados como referência na Tabela FIPE de acordo com a média calculada entre a grande maioria dos valores levantados. Com essas informações fica mais fácil consultar o valor do seu veículo.

O que é balanced scorecard?

Saiba mais sobre o conceito e de como essa gestão de desempenho deve estar no seu plano de negócios.  

O conceito de balanced scorecard foi desenvolvido em 1992, por Robert S. Kaplan e David S. Norton, e revolucionou os sistemas de medição e gestão de desempenho. Essas métricas preveem o futuro financeiro e não apenas relatam o que já aconteceu dentro da empresa.

Usando esse tipo de sistema, os gestores conseguem conectar as ações do presente com o resultado das metas ao futuro. É um tipo de estratégia que deve estar no plano de negócios de qualquer empresa! Neste post você vai conhecer um pouco mais sobre o balanced scorecard e como ele pode ajudar o seu negócio, continue lendo!

Gestão de desempenho

O balanced scorecard não substitui os métodos tradicionais de medição financeira mas, ele é capaz de complementar com outras três novas perspectivas: 

  • a dos clientes
  • dos processos internos de negócio 
  • e a do aprendizado e crescimento 

Assim, as empresas podem acompanhar os resultados das finanças ao mesmo tempo em que monitoram o desenvolvimento de suas capacidades, além de poderem adquirir outros bons que são fundamentais para o crescimento do negócio.  Na prática isso pode ser explicado em quatro processos: 

Simplificação da visão

É entrar em um consenso com os funcionários sobre a missão da empresa, para que objetivos e visões fiquem claros para todos os colaboradores e eles possam trabalhar com base nesses objetivos e entender como usar essas informações para traçar ações estratégicas. 

Comunicar e linkar

Esse processo ajuda o gerente a transmitir as estratégias do plano de negócios para os diferentes níveis hierárquicos e os relacionar a cada objetivo individual dos colaboradores do departamento. Desta forma todos são capazes de entender as linhas de ação a longo prazo e alinham seus objetivos e metas pessoais e do grupo à elas. 

Planejamento do negócio

É o terceiro pilar do balance scorecard, pois integra o gerenciamento e o setor financeiro para que juntos possam realocar recursos e definir prioridades. Desta forma, ambos setores investem apenas nas iniciativas que contribuem para os objetivos estratégicos do plano de ação a longo prazo. Por isso, no começo deste artigo, comentamos sobre o bsc ser muito importante no plano de negócios da empresa, essa capacidade de integração é fundamental. 

Feedback e aprendizado 

Este quarto processo serve para que a empresa consiga avaliar os resultados a curto prazo sob as perspectivas dos clientes, processos internos e aprendizado e crescimento. Desta forma, as estratégias que são adotadas podem ser avaliadas e adaptadas de acordo com a performance. 

Para colocar o balance scorecard em prática

O gestor deve analisar alguns pontos antes de apostar nesta estratégia. Um deles é pensar em como a empresa deve ser vista pelos acionistas e assim alcançar o sucesso financeiro; outro ponto é analisar quais os processos internos devem ser dominados para que clientes e acionistas fiquem totalmente satisfeitos, além de considerar também como o negócio quer ser visto pelos clientes. 

Por meio da junção das análises qualitativas e quantitativas, o bsc ajuda os gestores no estabelecimento de estratégias desde o plano de negócios até a consolidação da empresa. Visando garantir que cada pessoa envolvida no processo consiga implementá-las, por isso podemos dizer que o balance scorecard começou como um sistema que mede desempenho para se tornar um novo modelo de sistema de gestão. Pois, com ele é possível avaliar  a capacidade dos funcionários, a qualidade dos ciclos de processos, a perspectiva dos clientes e o retorno sobre o capital investido. 

Gostou do nosso post? Deixe nos comentários mais dúvidas sobre estratégias para melhorar a gestão de empresas!

5 Cursos para quem gosta de desenhar

O momento da escolha do curso de graduação é um problema para muita gente. São muitas as opções de cursos hoje em dia, e isso pode dificultar na hora de escolher.

Porém, é importante levar em conta sempre as aptidões naturais de cada indivíduo. Cada um tem um dom e para todos os dons existem cursos específicos.

Se o seu dom é o desenho, neste post você irá descobrir 5 carreiras e cursos para quem gosta de desenhar.

Cursos para quem gosta de desenhar

Arquitetura

A profissão do arquiteto envolve bastante dons artísticos, principalmente relacionados ao desenho.

É necessário desenhar em todos os projetos de prédios, casas, ruas e etc. Antes da ideia ser colocada em prática, ela é desenvolvida no papel através de desenhos.

Além disso, o arquiteto também desenha os ambientes e planeja a melhor forma de estruturar os objetos dentro do espaço. Para realizar essas atividades, de design de interiores, ele também utiliza o desenho como aliado.

Portanto, o curso de arquitetura é uma opção dos cursos para quem gosta de desenhar.

Design

Existem vários tipos de design e em todos eles o desenho é uma ferramenta de trabalho indispensável. Seja design de interiores, de moda, gráfico, de games, enfim. Independente de qual seja o segmento específico, todos se utilizam do desenho no dia a dia para criar suas produções.

Portanto, para quem gosta de desenhar e criar, o design pode ser uma excelente profissão.

Artes visuais

Artistas visuais dependem do desenho para dar vida as suas criações. Seja para pintar quadros ou esculpir uma escultura, o desenho faz parte do dia a dia do artista.

O curso de artes visuais possui várias disciplinas exclusivamente sobre desenho, como por exemplo: ilustração e Desenho contemporâneo.

Se você é um artista que adora desenhar, criar e expressar seus sentimentos através da arte, o curso de artes visuais é uma excelente opção.

Moda

O curso de moda também é uma ótima opção de curso entre os cursos para quem gosta de desenhar.

Isso porque, o profissional de moda utilizará muito do desenho como ferramenta para criar suas roupas e croquis durante o curso.

A criação de peças de roupas, sapatos e acessórios está diretamente ligada ao desenho como forma de expressão inicial. Os profissionais de moda são responsáveis por acompanhar toda a produção de uma coleção: desde o desenho até a confecção.

Por esse motivo, se você gosta de moda e gosta de desenhar, esse pode ser o curso perfeito.

Animador

Um artista multimídia e animador é responsável por criar personagens de jogos, filmes e séries de animação. Geralmente a criação desses personagens se inicia com o desenho.

Por esse motivo, esse é um dos cursos para quem gosta de desenhar.

QUANTO CUSTA UM SEGURO AUTOMÓVEL PARA HB20

Um dos automóveis de maior sucesso nos últimos com certeza é o HB20. A linha de entrada da montadora coreana tem muitos fãs no Brasil e ano a ano é comprovada essa paixão pelo modelo. E para manter o carro em bom estado e sem surpresas é preciso encontrar um seguro automóvel HB20 de confiança e com bom preço.

A violência hoje em dia já não está mais nas grandes cidades do Brasil. Outros polos também estão sendo explorados pelos bandidos e roubos e furtos de automóveis ainda são o grande medo de motoristas Brasil afora. Por isso um bom seguro automóvel HB20 faz toda a diferença nessas horas.

COMO ENCONTRAR UM SEGURO AUTOMÓVEL HB20

Ao acessar sites de buscas e digitar “Seguro Automóvel HB20” diversas opções vão aparecer na tela do seu computador ou celular. Por isso é bom saber algumas coisas antes como:

  • Idade do condutor do veículo
  • Tempo de habilitação
  • Endereço
  • Trajetos realizados e tipo de garagem

Esses normalmente são os itens mais solicitados pelas seguradoras para avaliar e cotar um tipo de seguro. Jovens e com pouco tempo de experiência e moradores de zonas mais perigosas são os que desembolsam o maior valor no seguro. Isso é autoexplicativo.

Com isso também é bom saber se as seguradoras mais utilizadas pelas motoristas brasileiros:

  • SulAmérica
  • Porto Seguro
  • Mapfre
  • Azul Seguros
  • Icatu Seguros

É claro que as opções não se esgotam por aí, mas é bom ter uma referência na hora de buscar um seguro automóvel HB20. Afinal, ninguém quer surpresas também com a própria seguradora.

MÉDIA DE PREÇO SEGURO AUTOMÓVEL HB20

No mercado a média de valor para seguro automóvel HB20 gira em torno de R$ 2.500. Como falamos é importante lembrar que as condições do contratante interferem no preço final.

Next Seisa: Conheça o plano de saúde Next Seisa e suas vantagens

A Next Seisa Planos de Saúde é uma empresa conceituada no ramo de serviços médicos empresariais nas cidades de Guarulhos e Arujá.

A Next Seisa surgiu da fusão entre as operadoras Seisa e Next, a primeira sendo uma operadora de convênio médico em Guarulhos na época, e a segunda sendo uma empresa que pertence a Amil, uma das mais importantes operadoras do país. Portanto, em 2013 nasceu a Next Seisa planos de saúde. Empresa com experiência e renome no mercado de convênios médicos e com a qualidade do grupo Amil.

Os convênios médicos disponibilizados pela Next Seisa são focados em empresas de pequeno, médio e grande porte, em Guarulhos e região. Assim, as empresas da região contam com um serviço ideal para as necessidades de seus colaboradores.

Plano de Saúde Next Seisa

A empresa possui 3 tipos de serviços que são: PME, PRC (Aditivo) e empresarial.

  • Next Seisa Planos de Saúde PME: é um convênio coletivo e tem abrangência para Guarulhos e Arujá. Desenvolvidos para atender pequenas e médias empresas. Cobertura para até 99 vidas, sem carência e acomodação em enfermaria.
  • Next Seisa Planos de Saúde PRC (Aditivo): redução máxima de carência.
  • Next Seisa Planos de Saúde Empresariais: Plano jurídico básico e Plano jurídico diferenciado.

Vantagens Next Seisa

Os atendimentos Next Seisa são feitos em Guarulhos e região, e estão disponíveis nos melhores hospitais, clínicas e laboratórios existentes. Os equipamentos são modernos para oferecer os resultados mais precisos e eficazes. Os Planos da Next Seisa vão desde de planos básicos até os com coberturas mais exclusivas.

Analise as necessidades da sua empresa e contrate um Plano de Saúde ideal para seus colaboradores, contrate a Next Seisa. Uma empresa com experiência no mercado, atendimento diferenciado e especializada em Planos de saúde empresariais.

seguro automóvel para HB20

Quanto custa seguro automóvel para HB20?

Saber o valor de um seguro automóvel para HB20 é uma tarefa que exige do proprietário do veículo um certo trabalho, principalmente por causa da forma que os cálculos de seguros são feitos.

Como é feito o cálculo de seguro automóvel para HB20

As companhias que fornecem o serviço de seguro no Brasil atuam da mesma forma, elas, inicialmente, precisam conhecer o carro que será assegurado e criar o perfil de seu dono.

Ou seja, antes mesmo de estipular um valor para o seguro do automóvel, as empresas buscam informações em relação ao proprietário e seu veículo.

Desta forma, o valor final muda de acordo com as características do condutor e de seu veículo. Idade, sexo, tempo de CNH e histórico da carteira são alguns exemplos dos traços utilizados no cálculo.

Ano do veículo, modelo, cidade onde está localizado e o preço do HB20 na tabela Fipe são exemplos de algumas das peculiaridades do automóvel somados na conta.

Mas, apesar de ter um valor diferente para cada condutor, é possível conhecer o valor médio do seguro praticado no país, conseguindo, assim, um parâmetro para comparação.

Afinal, qual o preço médio do seguro automóvel para HB20?

O valor médio do seguro para um HB20 é de R$2800,00, porém, é importante lembrar que além das variáveis citadas anteriormente, o custo final depende do tipo de seguro adquirido.

As apólices de seguro mudam seu preço acordando com o tipo de sinistro que o carro está assegurado, isso quer dizer que o condutor consegue economizar na contratação do produto.

Entretanto, para conseguir contratar o seguro ideal para seu veículo, o condutor deve ter em mente que ele precisa conhecer bem a região que mora e seus perigos.

Qualquer lugar do país o automóvel está sujeito a sinistros, porém, somente em alguns lugares que ele corre o risco de ter avarias causadas por desastres da natureza, como enchentes, por exemplo.

Em outras palavras, se o condutor morar em uma região que não há esse perigo, ele não precisa contratar um seguro automóvel para HB20 que cobre esse tipo de sinistro.

Simular cartão de crédito: Simule seu limite e taxas de cartão de crédito

Além de uma forma prática e segura de pagamento, os cartões de crédito tem se tornado uma ferramenta eficiente para obtenção de limite de crédito pré-aprovado e parcelamento de compras. Além de diversos outros benefícios como programas de fidelidade, descontos em estabelecimentos e acumulação de milhas.

Porém, para obter todas estas vantagens, é importante estar atento ao limite e as taxas, e a melhor forma de conhecer estes pontos é simular cartão de crédito. Veja nesse artigo como realizar este procedimento.

Limite disponível

O limite oferecido pela administradora do cartão está correlacionado diretamente a sua renda mensal. Ao simular cartão de crédito é solicitado que o cliente informe sua renda para que lhe sejam apresentadas as opções de limites disponíveis.

Normalmente, após um certo tempo de utilização do cartão de crédito esse limite poderá ser ampliado se o cliente possuir bom histórico de pagamento.

Anuidade e taxas de juros

Ao simular cartão de crédito uma das taxas a serem avaliadas é a anuidade, essa taxa varia muito e vão desde cartões com isenção de anuidade até valores de R$ 1.000,00.

É importante ao simular cartão de crédito estar atento não apenas a anuidade, mas também as taxas de juros em casos de atrasos e parcelamento da fatura, que costumam ser bastante altas. Alguns cartões podem chegar a cobrar 15 % a 20% ao mês de taxa de juros.

Normalmente os cartões com maiores valores de anuidade apresentam menores taxas mensais de juros, além de outros benefícios como maior acúmulo de pontos e descontos em diversos estabelecimentos.

Ou seja, nem sempre as menores anuidades são as melhores opções, dependendo do seu perfil de gastos pode ser interessante a contratação de um cartão com anuidades maiores. Por isso é importante simular cartão de crédito e comparar todas as informações oferecidas.

 

Simulador de cartão de crédito: Veja como simular cartão de crédito online

Efetuar a simulação de um crédito é uma necessidade que grande parte dos requerentes de cartões ignoram, mesmo existindo os simuladores de cartões de crédito online disponíveis.

É possível encontrar sites especializados nos temas financeiros, principalmente sobre a contratação de cartões de crédito, que também possuem ferramentas de simulação.

Porém, mesmo com esses recursos, os consumidores ignoram essa tarefa tão importante, ocasionando na contratação de um produto inferior às necessidades do cliente.

Além disso, a contratação de um cartão de crédito errado também pode ocasionar em maiores problemas, como dívidas com juros no rotativo e cobranças abusivas de tarifas.

Simulador de cartão de crédito online

Para simular a contratação do cartão, o solicitante conta com algumas opções bem fáceis de se utilizar. A primeira delas são os sites especializados nesse tipo serviço.

Os sites e páginas online que fazem a simulação, comparam os cartões automaticamente, bastando o interessado informar os tipos de cartões com os quais ele possui dúvidas.

Esses sites não possuem nenhum tipo de ligação com qualquer operadora de cartões ou empresas que disponibilizam cartões de crédito, atuando independentemente.

Todavia, há pessoas que preferem simular cartão de crédito por conta própria, conseguindo ter maior certeza para decidir sobre a ferramenta.

Independentemente do motivo, o solicitante pode simular seu cartão no próprio site da companhia que oferta os cartões de crédito.

As empresas e companhia financeira que atuam com crédito possuem, em seu site, ferramentas e dispositivos que auxiliam o consumidor a escolher o melhor equipamento para seu perfil.

Porém, ele é limitado aos produtos daquela empresa, na maioria dos casos. Mas, mesmo com essa limitação, é possível descobrir sobre a cobrança de taxas, tarifas, limites, entre outras características.

Além disso, também é viável simular cartão de crédito em fóruns e sites de reclamações. Eles possuem informações importantes sobre a empresa, vindas diretamente de outros clientes.